Notícias

Decreto 49.487/20 – Retomada dos Eventos Sociais.

@Secovi - 29/09/2020


Ilustríssimos(as) Srs.(as) responsáveis legais dos condomínios residenciais e não residenciais, administradoras de condomínios, administradoras de imóveis e imobiliárias.

O Governo do Estado de Pernambuco, no dia 25 de setembro de 2020, através do Decreto nº. 49.487/20, no seu artigo 1º, alterou os artigos 11, 12, 13, 17 e 18 do Decreto nº 49.055/20, permitindo a retomada a partir do dia 28 de setembro de 2020, das realizações de eventos sociais, limitados a 30% (trinta por cento) da capacidade do ambiente, com até no máximo 100 (cem) pessoas.

Portanto, o uso do salão de festa do condomínio está liberado para os eventos sociais, devendo ser respeitado os mesmos limites de capacidade impostos para a realização de assembleias, ou seja, 30% (trinta por cento) da capacidade do ambiente em que será realizado, com até no máximo 100 (cem) pessoas, observadas as normas sanitárias relativas à higiene, ao distanciamento mínimo e ao uso obrigatório de máscara.

Feitas tais considerações, esperamos auxiliá-los no enfrentamento deste contexto de calamidade pública, sendo certo que mantemo-nos ao inteiro dispor por meio do telefone (81) 2123-9400 das 08:00h às 18:00h, de segunda a sexta-feira.

Sem mais para o momento, renovamos nossos protestos de estima e consideração.

Atenciosamente,
Márcio Gomes
Presidente

Caixa Econômica realiza primeiro leilão de imóveis de 2021

O evento será online, no site da Gracie Leilões, e vai até o dia 11 de janeiro

@Fonte: Portal FolhaPE - Economia - 05/01/2021


O ano de 2021 vai começar com um leilão de 26 imóveis em Pernambuco, pela Caixa Econômica Federal. Essa será uma oportunidade para quem quiser adquirir casas, apartamentos e terrenos, de Recife a Petrolina. No leilão, os preços são a partir de R$ 66 mil. O processo será exclusivamente de forma online, por meio do site da Gracie Leilões, o www.gracieleiloes.com.br. Os descontos no leilão, podem chegar a até 65% nos imóveis.

Os lances podem ser feitos até às 10h do dia 11 de janeiro. Grande parte dos lotes disponíveis pode ser adquirido com o saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), ou por meio de um financiamento de até 95% do valor do imóvel, caso seja aprovado juntamente com a Caixa.

Segundo o leiloeiro oficial e organizador do Grande Leilão de Imóveis da Caixa, Renato Gracie, essa é uma oportunidade positiva, principalmente para as que podem financiar com a Caixa. “O diferencial desse leilão é a presença da Caixa Econômica, um banco sério. A maioria dos imóveis pode ter financiamento de 95% com um sinal de 5% no ato do leilão. Hoje o banco trabalha com juros médio de 7% ao ano, é algo fixo, não tem a surpresa de juros maiores como em alguns bancos privados”, disse.

De acordo com o leiloeiro, existe uma expectativa para que seja um evento positivo. Os incrementos nos lances são fixos em R$ 500, a partir do valor mínimo em cada leilão. “A partir do lance mínimo a pessoa pode confirmar ou lançar o valor de R$ 500. Os lances já estão abertos no site, e basta se cadastrar para poder concorrer. A nossa expectativa é positiva, esperamos que esse ano seja melhor e esse terá boas oportunidades, basta saber se é a opção que está procurando, se é para morar, para investir”, completou Renato.