Notícias

Chave Fácil Lança Novo Portal

Novo Chave Fácil

@Gabriela Vasconcelos - 08/02/2017



O portal Chave Fácil passou a exibir um novo layout. Junto com a mudança, está sendo inaugurada uma nova fase com uma nova versão de site, mais leve, atrativa, dinâmica e com novas funcionalidades. "O que faz o Chave Fácil um portal especial é o fato de ter sido construído pelas ideias e conceitos dos dirigentes dos SECOVIs do Brasil - Sindicatos de Habitação", considera o presidente do Secovi-PE, Elísio Cruz Jr.

O Portal é desenvolvido com o compromisso de inovar sempre para atender as constantes demandas dos seus parceiros e usuários. Um bom exemplo é a sua característica responsiva, permitindo quem estiver procurando imóveis acessá-lo através de smartphones ou tablets de forma totalmente compatível.

Números - O portal Chave Fácil, de busca por imóveis em todo o território nacional, entrou em 2017 com o pé direito, contabilizando em janeiro um recorde de acessos: 550.222 buscas. O portal manteve um ritmo de crescimento e passo a passo vem conquistando um fatia importante do mercado. Atualmente, concentra mais de 509.903 imóveis disponíveis para venda, locação e para locação por temporada. Entre os seus diferenciais, o portal Chave Fácil procura criar com os usuários uma relação permanente ao abordar em seu blog e na sua fanpage, no Facebook, temas do cotidiano relativos ao conceito de habitação. Orientações sobre documentos importantes nas negociações, dicas de decoração e até de sustentabilidade no lar são alguns exemplos.

Pernambuco - No ranking de acessos do Chave Fácil Pernambuco ocupa o sexto lugar, com 35.574 acessos em janeiro, revelando a mesma tendência nacional de crescimento e dividindo o mérito de ter alcançado o seu recorde, desde o seu lançamento. Destes 27.673 foram só em Recife. Hoje são disponibilizados para visualização no Chave Fácil imóveis que vão desde apartamentos, casas, lojas até salas comerciais. O Secovi-PE mantém uma equipe permanente com o objetivo de ampliar cada vez mais o número de imobiliárias participantes.

Fonte: http://www.chavefacil.com.br

ESOCIAL - Empresas do Simples Nacional entram na 2ª etapa do eSocial

@Fonte: Pernambuco.Com - Economia - 10/04/2019


O módulo da segunda fase de implantação do eSocial para as empresas optantes do Simples Nacional está disponível a partir de hoje (10).

Nesta etapa, as empresas devem informar os eventos não periódicos, ou seja, os dados dos trabalhadores e seus vínculos com a empresa, segundo a Secretaria do Trabalho do Ministério da Economia.

O eSocial para as empresas optantes do Simples está disponível desde 10 de janeiro, quando foi liberado o primeiro módulo.

Nele, os empregadores devem se cadastrar e alimentar o sistema com informações relevantes para posterior cadastro de empregados e folha de pagamento, por meio de tabelas definidas no manual do eSocial.

Segundo a secretaria, quem não conseguiu preencher os dados da primeira fase no sistema até ontem (9) ainda poderá fazer o cadastramento. Mas as empresas precisam informar, além de suas tabelas, os dados dos trabalhadores de sua empresa, referentes à segunda etapa.

O passo seguinte dessas empresas no eSocial será em julho deste ano, quando elas deverão informar os chamados eventos periódicos, que são as informações sobre a folha de pagamento.

Na quarta e última fase, serão exigidas as informações relativas à segurança e saúde dos trabalhadores. Mas a implantação deste item ocorrerá apenas em julho de 2020.

De acordo com a secretaria, o grupo das empresas optantes pelo Simples Nacional engloba 3 milhões de empresas com vínculos ativos. É formado também por empregadores pessoa física (exceto domésticos), produtores rurais pessoas físicas e entidades sem fins lucrativos.

- Ambiente Simplificado:

A partir de 16 de abril estarão disponíveis, para envio de eventos não periódicos, os módulos simplificados Web referentes ao Microempreendedor Individual (MEI) e ao Segurado Especial, bem como o módulo Web Geral para os empregadores pessoas físicas.

Os usuários destes módulos poderão registrar os eventos ocorridos entre os dias 10 e 15 de abril de 2019, retroativamente, a partir do dia 16, sem risco de penalidade por atraso.

Veja os prazos de cada fase para as empresas do Simples:

1ª fase - cadastros das empresas e das tabelas - de 08/01/19 a 09/04/19.

2ª fase - cadastros dos trabalhadores - de 10/04/19 a 30/06/2019.

3ª fase - fechamento da folha de pagamento - de 10/07/19 a 30/09/2019.

4ª fase - inclusão dos eventos de saúde e segurança - a partir de 01/07/2020.

- Unificação de informações:

Criado em 2013, o eSocial unifica a prestação, por parte do empregador, de informações relativas aos empregados.

Dados como o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), a Relação Anual de Informações Sociais (Rais), a Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia e de Informações à Previdência Social (GFIP) e informações pedidas pela Receita Federal são enviados em um único ambiente ao governo federal.

Por meio do eSocial, os vínculos empregatícios, as contribuições previdenciárias, a folha de pagamento, eventuais acidentes de trabalho, os avisos prévios, as escriturações fiscais e os depósitos no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) são comunicados pela internet ao governo federal.

A ferramenta reduz a burocracia e facilita a fiscalização das obrigações trabalhistas. A migração para o sistema do eSocial foi dividida em quatro grupos de empresas. Cada grupo tem quatro fases para a transmissão eletrônica de dados.