Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site.
Ao utilizar nosso site e suas ferramentas, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

SECOVI-PE - Política de Privacidade

Esta política estabelece como ocorre o tratamento dos dados pessoais dos visitantes dos sites dos projetos gerenciados pela SECOVI-PE.

As informações coletadas de usuários ao preencher formulários inclusos neste site serão utilizadas apenas para fins de comunicação de nossas ações.

O presente site utiliza a tecnologia de cookies, através dos quais não é possível identificar diretamente o usuário. Entretanto, a partir deles é possível saber informações mais generalizadas, como geolocalização, navegador utilizado e se o acesso é por desktop ou mobile, além de identificar outras informações sobre hábitos de navegação.

O usuário tem direito a obter, em relação aos dados tratados pelo nosso site, a qualquer momento, a confirmação do armazenamento desses dados.

O consentimento do usuário titular dos dados será fornecido através do próprio site e seus formulários preenchidos.

De acordo com os termos estabelecidos nesta política, a SECOVI-PE não divulgará dados pessoais.

Com o objetivo de garantir maior proteção das informações pessoais que estão no banco de dados, a SECOVI-PE implementa medidas contra ameaças físicas e técnicas, a fim de proteger todas as informações pessoais para evitar uso e divulgação não autorizados.

fechar

Notícias

EDITAL DE CONVOCAÇÃO

ASSEMBLEIA GERAL ORDINARIA

@presidencia - 12/10/2021


O Presidente do Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis, e dos
Edifícios em Condomínios Residenciais e Comerciais do Estado de Pernambuco – SECOVI-PE, no uso das
atribuições que lhe confere o estatuto social, convoca os associados para assembleia geral ordinária a ser
realizada no dia 25 (vinte e cinco) de novembro de 2021, conforme edital anexado.

Restrições se iniciam em meio a mais uma crise

Único estado em situação crítica na ocupação de leitos, Pernambuco passa a exigir passaporte vacinal para entrada em locais de alimentação e eventos

@Fonte: Diário de Pernambuco - Vida urbana - 14/01/2022


Pernambuco inicia hoje um período de 18 dias com novas restrições de circulação para tentar conter os casos e internações por Covid-19 e Influenza H3N2. Até o dia 31, todos os cidadãos terão que apresentar passaporte vacinal para entrar em estabelecimentos de alimentação e cultura, e também teste negativo para participar de eventos - que acontecerão com capacidade reduzida. As medidas entram em vigor num momento em que o estado é o único do país com alerta crítico na ocupação das UTIs, segundo a Fiocruz.

Em nota técnica publicada em seu site, o Observatório Covid-19 fundação divulgou os novos dados sobre a ocupação de leitos para adultos no SUS e fez um alerta aos governos. Pelas taxas observadas no dia 10 de janeiro e em comparação com a série histórica, o documento mostrou que um terço dos estados e dez capitais encontram-se em alerta intermediário ou crítico.

Segundo a análise, Pernambuco está na zona crítica, com 82% de ocupação, a maior de todo o país. Pará (71%), Tocantins (61%), Piauí (66%), Ceará (68%), Bahia (63%), Espírito Santo (71%), Goiás (67%) e o Distrito Federal (74%) estão com alerta intermediário. Entre as capitais, Fortaleza (88%), Recife (80%), Belo Horizonte (84%) e Goiânia (94%) têm alerta crítico.

A nota destaca o crescimento nas taxas de ocupação diante da proliferação da variante Ômicron. Ao mesmo tempo, destaca que o quadro é incomparável ao que aconteceu no ano passado. Segundo os pesquisadores, o número de internações em UTI hoje ainda é “predominantemente muito menor” do que aquele observado em 2 de agosto de 2021, quando leitos começavam a ser retirados devido à diminuição. O documento pondera ainda que o grande volume de casos já está demandando de gestores atenção e o acionamento de planos de contingência.

“Sem minimizar preocaupações com o novo momento da pandemia, consideramos fundamental ratificar a ideia de que temos um outro cenário com a vacinação e as próprias características das manifestações da Covid-19 pela Ômicron. Por outro lado, não podemos deixar de considerar o fato de a ocupação de leitos de UTI hoje também refletir o uso de serviços complexos requeridos por casos da variante Delta e casos de Influenza”, ressaltam os pesquisadores.

A nota também destaca que tão importante quanto estar atendo à necessidade de reabertura de leitos é reorganizar a rede de serviços de saúde no sentido de dar conta dos desfalques de profissionais afastados por contrair a infecção e prosseguir na vacinação da população.

A partir de hoje, pernambucanos de até 54 anos terão que comprovar vacinação de duas doses ou dose única para entrar em bares, restaurantes, cinemas, teatros e museus. Maiores de 55 anos terão que comprovar dose de reforço. Nos eventos culturais e sociais, além do passaporte vacinal, será exigida a apresentação de teste negativo de Covid, sendo com 24 horas de antecedência para exames de antígeno e 48 horas para exames de RT-PCR. O número máximo de frequentadores será de 50% da capacidade do espaço ou três mil pessoas em locais abertos e de mil pessoas, em locais fechados, o que for menor.